Usinas nucleares no fundo do mar


Submarino

Análise por David Teeghman

A energia nuclear pode não ser limpa o bastante para ser incluída em alguns estudos sobre a viabilidade de energias renováveis, mas alguns países estão tão determinados a vencer a dependência dos combustíveis fósseis que estudam a possibilidade de instalar reatores nucleares no fundo do mar.

Cada reator nuclear submarino seria de proporções pequenas, já que geraria apenas 50 megawatts, o suficiente para abastecer 37 mil residências norte-americanas com energia elétrica.

Os reatores nucleares estão sendo desenvolvidos pela companhia de defesa naval francesa DCNS (Direction des Constructions Navales), que batizou sua inovação com o nome de Flexblue. Estudos preliminares realizados nos últimos dois anos demonstraram que cada Flexblue pode produzir entre 50 e 250 megawatts de energia nuclear no fundo do mar.

Segundo um comunicado de imprensa publicado no site da DCNS, o Flexblue foi projetado para ser utilizado por países banhados pelo mar, provavelmente pela dificuldade em se encontrar uma massa de água suficientemente grande para abrigar estes reatores nucleares em países sem litoral.

 

O Flexblue pode parecer um enorme submarino no vídeo do site da DCNS, mas é muito menor se comparado às tradicionais centrais nucleares terrestres, que ocupam uma área de vários quilômetros quadrados. Ele tem cerca de 90 metros de comprimento por 15 metros de largura.

O Flexblue inclui um pequeno reator nuclear e um conjunto com alternador e turbina a vapor, além de um equipamento que permite o transporte da eletricidade até a costa. Cada unidade pesa aproximadamente 12 mil toneladas. Diferentemente das turbinas eólicas, que “poluem” visualmente a paisagem, as miniusinas nucleares Flexblue serão instaladas no fundo do mar, a centenas de quilômetros da costa. Ainda não se sabe a que distância elas podem ser instaladas, mas são projetadas para ficar entre 55 e 90 metros de profundidade.

É uma boa ideia instalar reatores nucleares no fundo do mar ou deveríamos mantê-las em terra firme?

[FONTE: http://blogs.discoverybrasil.com/noticias/2011/01/usinas-nucleares-no-fundo-do-mar.html ] Todos os créditos ao Discovery Chanel, isto é apenas uma divulgação.

Esse post foi publicado em curiosidades, Notícias e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s